O Perdão

Uma das maiores lições que a vida me ensinou é a necessidade do perdão. Não há experiência mais gratificante que colher a serenidade da alma, naquela paz espiritual que sempre segue após o amplo exercício do perdão. É que nossa mente sabe que arrancamos do coração a erva daninha do ódio e agora o terreno está pronto para as sementes do amor. Não perca tempo na vida com rancores, espalhe por aí a paz e a harmonia.

by Adriano César Curado

5 comentários:

Aninha Zocchio disse...

Carissimo amigo Adriano!!
Agradeço por ter me add no seu FB!! Uma honra para mim!
Sobre o perdão, quando isso acontece plantamos em terra fertil para colher bons frutos!!
Seguimos em frente vida novam ainda que cada pessoa vá para um lado, não ficamos em amarras ao outro!!
Abraços!

Severa Cabral(escritora) disse...

...Olá meu amigo!
Estava sentindo falta de vc neste universo virtual...
Hoje vc nos fala do perdão da qual são palavras que devemos cristalizar ou seja praticar...
bjssssssssssss

LUZ disse...

Olá querido amigo,

Depois da corrente das rosas, o perdão.
Que bonito e que alma generosa você tem.
O aprecio muito.
Quando quiser, passe pelo meu blog.
Bom fim de semana.

Beijos de luz.

Viviane Peres disse...

É tão difícil não guardar rancores. Por mais que dizemos perdoar, a alma não fica livre.. Pelo menos eu tenho essa sensação. =/

bjos

blog da Paraguassu disse...

Olá Adriano,
Que postagem mais linda.Falar sobre o perdão nunca é demais. O nosso coração
merece uma carinhosa massagem de amor, quando perdoamos. Alivia-nos todas as dores e a vontade que dá, ao perdoarmos, é sair cantando todas as vitórias que nosso espírito alcança quando utiliza a ferramenta do perdão.
Adorei a postagem, amigo.
Fica com Deus e um super beijo para você.
Maria Paraguassu.