7 bilhões de habitantes


     Somos agora 7 bilhões de habitantes na Terra. Já pensou na quantidade de comida para alimentar tanta gente? E água potável, energia elétrica, saneamento básico etc.? Não será fácil para o planeta conciliar uma escala de produção assim tão grande, com a preservação do meio ambiente. Mas nossa única esperança de sobrevivência, sem uma catástrofe, é manter intactas as nascentes d'água, as matas e seus animais.

      Uma única e desconhecida lagarta que entra em extinção na Amazônia, por interferência humana, afetará a vida no planeta inteiro. É que desse pequeno ser vivo poderia originar uma substância curativa, ou sua ausência poderia causar um desequilíbrio ambiental terrível, como a superpopulação de outros insetos, por exemplo.

      Nunca fomos tantos. Então é preciso repensar conceitos, refazer contas e nos adaptarmos aos novos tempos que se avizinham aí. Sejam bem-vindos os recém-chegados à Terra, e que vocês encontrem aqui um mundo muito melhor para viver, que o atual.

Adriano César Curado

13 comentários:

Paula disse...

Às vezes eu me preocupo bastante com o futuro da raça humana. Tenho medo de que uma fome avassaladora tome conta do mundo e invasões de famintos ponha vim à ordem legal. Mas por outro lado tenho por mim de que tudo segue uma ordem pré-estabelecida das coisas e isso jamais acontecerá.

Marilia disse...

Ainda viveremos épocas difíceis em breve tempo. Você tem razão, escritor, quando fala da pressão exercida sobre as áreas de preservação ambiental. É que o homem (ser humano como um todo) tem aquela má ideia de sempre desejar abrir novas fronteiras agrícolas, enquanto deveria mesmo é cuidar das terras que já tem. Linda sua postagem. Amei demais e por isso lhe deixo mil beijos.

Fabi disse...

Concordo que precisaremos de mais comida para alimentar tanta gente. Por outro lado, como você bem salientou, é preciso cuidar dos recursos naturais, impedindo assim uma catástrofe ambiental que já se prenuncia no horizonte. Maravilha a postagem, bjim.

Cíntia disse...

Quando teremos tranquilidade neste mundo que se modifica tanto? Se temos hoje 7 bi de habitantes nesta Terra de meu Deus, já pensou quantos teremos daqui, por exemplo, a 50 anos?! Será que haverá comida e bebida para todos?! Texto corretíssimo, Adriano, um beijo.

Fernanda disse...

As guerras no futuro não serão por petróleo, mas sim por água. O Brasil é um grande reservatório natural desse precioso líquido, mas isso não nos tranquiliza, pois temo que queiram nos tomar a Amazônia.

Aninha disse...

Eu sou uma otimista. Acho que haverá sim água e comida para todos. Creio que há uma força maior que nos rege e que torna este Universo matematicamente preciso. Se assim é, então não devemos temer catástrofe alguma. Tudo se ajeita.

Carla Alencastro disse...

Tanta gente morando num planeta azul e pequeno! Que será de nós, Deus meu?!

Adriano César Curado disse...

Obrigado a todos vocês por postarem um comentário no meu blog. É por isso que eu animo a continuar na arte da escrita.

Ricardo Baobá disse...

Não tem saída, meu caro, será guerra braba no futuro pela conquista de água e comida. Quem viver verá.

Severa Cabral(escritora) disse...

Passando para deixar desejos de uma noite de paz!
Precisamos acreditar em dias melhores,já que a palavra tem poder...
bjssssssssssss

。♥ Smareis ♥。 disse...

Também me preocupo com o que vem pela frente. Mas temos que ter fé que tudo vai melhorar. Beijos e ótima semana.

Lilian disse...

É muita gente para alimentar!

Fernanda Soares disse...

Deus há de prover a todos.