Um mágico chamado Ney Matogrosso

    


      Confesso que nunca tinha assistido um show do Ney Matogrosso, cantor performático, de profunda expressividade no palco e que é capaz de hipnotizar multidão sem interagir com ninguém. Foi num festival cultural chamado Canto da Primavera, na histórica cidade de Pirenópolis, interior de Goiás, que conheci aquela figura singular.

     A banda que o antecedeu tocou rock da pesada e a assistência, quase toda de jovens de menos de 20 anos, entrou em êxtase diante da apresentação. De repente, silêncio, cores fortes, orquestra de instrumentos de corda, suavidade e delicadeza. Pensei comigo: isso não vai dar certo. Mas foi um sucesso absoluto.

     Só pode ser obra de um mágico a metamorfose operada sobre aquela juventude. Sem figurino extravagante, ele subiu ao palco trajando terno de cor clara e acompanhado por um quarteto de cordas. Parecia um recital de música clássica, mas é seu novo show Beijo Bandido.

     Escrevo aqui encantado pela apresentação de Ney Matogrosso porque vi nele um resgate da boa música popular brasileira. Ouvir a meninada cantar tangos, boleros, chorinhos, tudo de cor para imitá-lo, foi um achado e tanto. Ele olha dentro dos olhos da plateia, hipnotiza, e solta Tango para Tereza, Cigarro em Cigarro, Fascinação, Doce de Coco, Bicho de 7 Cabeças, e por aí vai.

     Enfim, existe luz no fim do túnel.

Adriano César Curado

6 comentários:

disse...

Já assisti a shows dele e fiquei maravilhada, como a sensação que você descreveu. Ele tem uma energia muito forte.

Beijos.

Alê disse...

Uau! Nunca assisti, mas fiquei curiosa

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite amigo querido!
Minha cidade já trouxe os cantores mais ilusitados,menos Ney ...faço votos que um dia ele passe por aqui.Farei o possivel para ir ao show dele mas pensando em vc,kkkkkkk,depois de tudo que li,me deu uma vontade...
bjs

Vanderleia disse...

Ele tem uma sedução que arrebata a alma da gente!

Beijos.

blog da Paraguassu disse...

Olá Adriano,
Ainda não tive a oportunidade de assistir a shows do Ney Matogrosso, porém tenho muita vontade de vê-lo atuar num espetáculo, tal como o que você citou. Conheço pessoas que já o
viram cantar em shows e saíram encantadas com a perfomance deste "mágico", como você muito apropriadamente o chama.
Um grande beijo,
Maria Paraguassu.

Amor no singular disse...

Que bacana! Eu sou fãzona do Ney tb. Acho que a juventude gosta dele porque ele simboliza e traduz muito bem o diferente. E todo mundo que fez alguma diferença nesse nosso mundo era diferente da maioria.
Adorei o texto.
Beijos!
Taís Krugmann