A aldeia dentro de nós


     Sei que cada um de nós tem que viver a própria realidade, enfrentar as vicissitudes da vida, transpor os obstáculos de cada dia.

      Sei disso tudo.

      Mas imagino como seria bom poder transpor o portal dos sonhos e deixar esta cidade grande e tumultuosa, esquecer sua gente apressada e impaciente.

      E depois me mudar para a vila de pescadores que conheci. Lá não tem correria, pois não há o porquê. Lá não tem trânsito, pois tudo é perto. Lá não precisam armazenar comida na geladeira, porque o que comem vem fresquinho do mar ou da horta. Lá não se necessita de muito para acalentar os sonhos, que são grandiosos na pequenez.

      Olha que ainda deixo tudo isso aqui e me mudo de vez para lá!

Adriano César Curado

3 comentários:

Antonio Rubilar B. Valente disse...

Volto ao blog do amigo e volto também para lhe convidar a fazer um brinde à nossa querida São Paulo.Visite meu blog e se possível, participe.Abração!!!

Sheila do Blog Passarinhos no Telhado disse...

Oi amigo!
Hoje a minha visita é para te fazer um convite! :)
Venha participar do “Mosaico de Luz” do Blog Passarinhos no Telhado!
Conto com a tua participação hem!
Grande abraço!
Sheila
Passarinhosnotelhado.blogspot.com

Marly Bastos disse...

Qualidade de vida amigo! A gente vai ficando saturado de tudo, de engolir sapos no trabalho, do trânsito congestionado, da falta de tempo, das cobranças desse mundo secular e do agrotóxico nas verduras... De repente dá vontade mesmo de chutar o pau da barraca e pronto!
Beijokas doces