Poema Caminhante

Caminhante



Sou o caminhante de séculos.

Inconstantes sonhos que
me impulsionam
para adiante,
me fazem sempre
mais altivo na
caminhada celestial
à procura das estrelas
que infinitamente
reluzem no fundo
da alma universal
de Deus.

Sou ainda uma
criança que engatinha
na manhã reluzente
da aurora da vida
e almejo o
imponderável alcance
dos domínios
do amor.

Sou o caminhante de séculos.

Adriano Curado

Um comentário:

Bell disse...

As grandes realizações primeiramente foram sonhadas, então que possamos sonhar bastante, afinal estamos ainda engatinhando na vida.....